Economia

TikTok cria mais empregos na Europa

Os boicotes dos EUA não impediram o TikTok de crescer na Europa. A empresa aumentou sua equipe para mais de 1.000 funcionários em toda a Europa, de acordo com um relatório do Business Insider. A empresa também continuou abrindo vagas em todo o mundo ao longo do ano, com mais de 200 vagas atuais em seus escritórios de Londres e Dublin.

Existem cerca de 1.000 engenheiros trabalhando atualmente para a TikTok fora da China, quase metade deles situados em Mountain View, na Califórnia, de acordo com o relatório da Reuters. Os Estados Unidos continuarão sendo um dos centros de engenharia da empresa e continuarão a contratar mais funcionários.

A plataforma de mídia social viral TikTok ultrapassou 100 milhões de usuários na Europa em setembro e foi incluída na vida social dos jovens europeus, principalmente neste período de pandemia.

Já tendo crescido rapidamente este ano, a TikTok também planeja adicionar pelo menos mais 200 vagas de emprego na Irlanda nos próximos três meses. Além disso, ela também planeja contratar cerca de 3.000 engenheiros nos próximos três anos, principalmente na Europa, Canadá e Cingapura, de acordo com um relatório da Reuters.

Apesar dos desafios trazidos pela pandemia deste ano, a TikTok aproveitou a crise e a transformou em uma oportunidade.

“É claro que tem sido um ano muito desafiador e louco, mas para mim e para a equipe, tem sido incrível ver como o TikTok realmente se tornou não apenas parte da cultura, mas uma força que está fazendo e quebrando coisas na cultura,” disse Rich Waterworth, gerente geral da TikTok no Reino Unido.

Fonte: Pandaily