Tecnologia

Zynn, aplicativo da Kuaishou semelhante ao Tiktok, é removido da Google Store

Zynn, um aplicativo de vídeos de curta duração, lançado somente fora da China, pela empresa de tecnologia chinesa Kuaishou, foi removido da loja de apps da Google. A empresa não divulgou os motivos para a remoção. O app é considerado um clone do Tiktok e ganhou grande audiência rapidamente nos EUA no decorrer de um mês após seu lançamento, causando questionamentos sobre se derrotaria o Tiktok.

De acordo com o china.com, muitos usuários que fizeram o upload de vídeos no TikTok declararam que seu conteúdo havia sido carregado no Zynn sem consentimento. Suas contas foram completamente clonadas, incluindo seus nomes, fotos e conteúdos de vídeo enviados.

Em maio, seu mês de lançamento no iOS e Android, o Zynn tornou-se rapidamente o app iOS mais baixado nos Estados Unidos, superando o Tiktok, e se classificou como um dos 10 principais apps da loja Google Play.

Parte do motivo desse rápido crescimento é o programa de recompensas do app. Os usuários são incentivados com recompensas em dinheiro a assistirem a vídeos no aplicativo ou a convidarem amigos para se tornarem usuários também. A legalidade do programa ainda está em questão.

Leia mais: WeChat lança mini programa para serviços de entrega expressa

Fonte: china.com